Consagração de Vida: um chamado, um caminho, uma decisão

Conheça a história vocacional da Professora Curitibana Haline

Consagração de Vida um chamado, um caminho, uma decisãoAssim que me pediram pra escrever e contar um pouco da minha história, fiquei pensando em como partilhar algo que é tão sagrado, tão pessoal, mas que toque o coração de quem está lendo, vou buscar de maneira simples partilhar um pouquinho da minha história.

Tudo começou em um evento chamado Pentecostes, em 1998 na Pedreira Paulo Leminsk, em Curitiba no Paraná, promovido pela Renovação Carismática Católica (RCC).

Neste evento foi quando tive o meu primeiro encontro pessoal com Jesus, e ao mesmo tempo, a primeira experiência no batismo do Espírito Santo.

Lembro-me como se fosse hoje: tinha uma multidão participando deste encontro e eu bem perdida no meio das pessoas, não sabia e nem entendia nada, eu havia participado apenas de um encontro de grupo de oração. E a pessoa que estava conduzindo o momento de oração, pediu para que fechássemos os olhos, e mesmo quem nunca havia rezado carismaticamente que fizesse a experiência de pedir o batismo no Espírito Santo. Foi uma experiência única!

A partir deste momento, nunca mais fui a mesma pessoa, comecei a participar do grupo de oração, ministério de música, grupo de Jovens e catequese. Conheci a Comunidade Canção Nova, e participando dos encontros tinha o desejo de que mais pessoas tivessem um encontro pessoal com Jesus.

O tempo foi passando e fui percebendo que havia um chamado, algo que me incomodava e impulsionava a querer mais, a ir além daquilo que fazia, uma inquietação. Iniciei o curso de Pedagogia, mas até mesmo estudando sentia que o estudo fazia parte deste chamado de Deus, e esse chamado começou a me incomodar demais. Comecei a enviar e-mails para Congregações e Comunidades em busca de uma experiência missionária ou um discernimento vocacional; escrevi e enviei vários e-mails contando o que estava sentindo e vivendo. Na mesma semana tive a primeira resposta do vocacional da Comunidade Canção Nova em Curitiba, que foi um instrumento de Deus em minha vida neste tempo, a pessoa responsável me chamou para conversar e rezar por mim, e a partir deste momento meu interior foi se acalmando.

Passei a trilhar um caminho de discernimento vocacional com a comunidade Canção Nova, fui amadurecendo na espiritualidade, na intimidade com Deus e nos relacionamentos: em casa, trabalho, estudos e na comunidade em que participava.

Turma de Juniorato em 2015

Turma de Juniorato em 2015

O caminho vocacional foi me apontando a Consagração de Vida, a dar respostas aquilo que me inquietava, a tomar uma decisão e passei por muitos momentos difíceis que me fizeram amadurecer e a dar respostas diferentes.

Como missionária da Comunidade Canção Nova, sou muito feliz por fazer a vontade de Deus, que se encontrou com a minha trilhando este caminho. Hoje trabalho no Instituto Canção Nova, como professora na educação infantil. Sou chamada a dizer Sim a este chamado, a esta vocação todos os dias e mesmo diante das dificuldades e desafios diários, tenho a certeza de que Deus está ao meu lado e me ajuda a caminhar.

Se você também sente esse desejo de viver uma Consagração de Vida a Deus, busque uma orientação, busque a direção de Deus. Conheça mais a Canção Nova Vocacional ou entre em contato conosco pelo pelo e-mail: vocacao@cancaonova.com

Leia também: Ser Canção Nova é a minha vocação!

Haline Borges MachadoHaline Borges Machado, Curitibana (PR), é membro da Comunidade Canção Nova. Cursou Pedagogia na Pontifícia Universidade Estadual do Paraná – PUC. Atua no Instituto Canção Nova como educadora.

Comentários O seu comentário será aprovado automaticamente, portanto evite nomes e testemunhos muito explícitos, pois o seu comentário pode ser visto por pessoas conhecidas.