História da Padroeira do Brasil é contada através de Cordel

 

Os estudantes do fundamental I festejam o Jubileu dos 300 anos da Imagem de Nossa Senhora Aparecida, que foi encontrada no rio Paraíba do Sul no ano de 1717.  A fim de aprender o gênero literário Cordel e relembrar a história da Padroeira do Brasil, a professora de português, Fabiane Sampaio, orientou os alunos a produzirem as poesias.
A literatura de Cordel escrita por Gabriel Cassiano Hummel, aluno do 3º ano do ensino fundamental, retrata o momento em que os pescadores encontraram a imagem de Nossa Senhora da Conceição Aparecida.

Aparecida das águas

Vou contar uma história
De fé e devoção
Que aconteceu com pescadores
Aqui da região
Eles jogaram a rede
Depois de uma oração
Quando puxaram de volta
Foi grande a emoção
Encontraram a imagem
De nossa senhora da Conceição
São 300 anos de bênçãos
Jamais será esquecida
Carinhosamente a chamamos
Nossa Senhora Aparecida

A manifestação artística produzida por Maria Laura Cabral , aluna do 3º ano do ensino fundamental, descreve o milagre realizado em 1717.

300 anos de bençãos 

Em um tempo de escassez
Peixe era bem pouco
Os pescadores necessitados
Buscavam alimentos para o povo
Enfrentaram grandes desafios 
Buscando sair do sufoco
Em um dia especial 
Algo misterioso aconteceu
Chegando ao porto para pescar
Uma imagem apareceu
Estava quebrada o pescoço
O pescador de entristeceu
Jogou de novo sua rede
Sempre com muita coragem
A surpresa foi imensa
Merecia grande homenagem
O pescador tirou do rio
Era a cabeça da imagem
Logo juntou as duas partes
A emoção foi merecida
Com muitos peixes para pescar
Eles teriam outra vida
Pois acabara de encontrar
A imagem de Nossa Senhora Aparecida

A manifestação artística produzida por Michelle Schimitt Jaeger, aluna do 3º ano do ensino fundamental, narra a singela ação da imagem na vida dos pescadores.

Em Aparecida Aparece

Uma imagem tão bonita
Era a mãe de Deus, Maria
Nossa Senhora Aparecida
Os pescadores não tinham
Achado nenhum peixe ainda
Mas quando ela apareceu
Muitos peixes concedeu
Nossa Senhora Aparecida
Nunca foi esquecida
Com carinho e amor
Nos ajuda nos momentos de dor
Ela é Mãe Rainha
Uma ótima menina
Hoje faz trezentos anos
Que realiza muitos planos
Nossa mãe tão querida
Nossa Senhora Aparecida

 

 


Eugênia Fraante

Eugênia Fraante é missionária na Canção Nova desde 2003. Cursou Pedagogia pelo Centro Unisal de Lorena e é graduanda do curso de Jornalismo. Atua no Instituto Canção Nova como analista júnior, produtora de conteúdos Web, Social Media e Gestora do Núcleo de Comunicação.

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site. Ele será aprovado automaticamente.