Praia combina com frescobol

Foto ilustrativa|pixabay.com

 

Com a chegada da Primavera, as temperaturas tendem a aumentar e as praias voltam a ser uma boa opção de lazer para toda a família, principalmente nos finais de semana e feriados.

Seu passeio não precisa ficar restrito somente aos mergulhos nas águas salgadas. Há diversas opções como, por exemplo, um futebolzinho de areia antes do mergulho, o vôlei de praia, as corridas e caminhadas curtindo lindas paisagens. E há uma outra modalidade bem interessante e própria desse ambiente: o frescobol!
De acordo com a Associação Brasileira de Frescobol, esse esporte foi criado na década de 40, por Lian Pontes de Carvalho, no Rio de Janeiro.

Para praticar a modalidade é necessário duas raquetes, de madeira ou fibra, e uma bolinha de borracha menor que a de tênis. No Frescobol não se joga um atleta contra o outro. Uma equipe concorre com as outras equipes e a melhor apresentação vence. A cooperação entre os jogadores do mesmo time, ao realizar os diversos tipos de passes predeterminados é um dos principais itens analisados pelos árbitros desse esporte.

Essa atividade faz tanto sucesso que possui atualmente até campeonatos profissionais, com regras um pouco mais específicas. Para quem quer apenas se divertir com uma boa atividade física, vence a brincadeira a dupla que permanecer com a bola no “ar” o maior tempo possível.
Viu que dica bacana! Então, agora, aproveite ainda mais a praia, participe de uma atividade recreativa! Você vai gostar! Aí, depois, é só se refrescar com um bom mergulho.

 


Paulo Carvalho

Paulo Carvalho é especialista em treinamento físico com ênfase em Fisiologia, Educação Física Escolar e Recreação pela Esc-Esefic e Jornalista pela Faculdade Canção Nova. Atua como Educador Físico no Instituto Canção nova.

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site. Ele será aprovado automaticamente.