Uma escola com cara de família

A participação da família é fundamental para o desenvolvimento dos filhos e a escola |Foto: Wesley Almeida

A família, como bem estudamos e compreendemos, é constituída de pessoas, identidades, hábitos e cultura, de gente que se ama, conversa, se sacrifica, que discorda e perdoa. É na família, no lar, que se recebe um nome e, portanto, a dignidade; onde se experimenta os afetos; se aprecia a intimidade; a privacidade, onde se aprende a amar, respeitar e reconciliar.

O Instituto Canção Nova desde sua origem deseja ser um lugar de acolhida, uma família, e isso acontece verdadeiramente quando:

– Somos mais do que uma escola e sim um ponto de referência afetiva para os educadores, educandos, colaboradores e suas respectivas famílias.

– Se educa e se exige respeito, com firmeza e doçura.

– Há espaço para o diálogo sincero e aberto, respeitando as identidades humanas e seus processos.

– Há experiências de amor concreto e não o lugar onde se impõe o peso da lei.

– Aceitamos os diferentes e os ensinamos a viver em grupo.

Nenhum desses itens é possível viver se nos colocamos acima Daquele que por excelência nos ensinou a arte de educar: Jesus é, ou deve ser, o centro de nosso ensino, em nosso pátio, em nossa história, em nossas correções, em nosso testemunho…

Onde encontramos Seu legado? Queridos pais, educadores, crianças e jovens basta ler as páginas de nosso Evangelho, lá encontramos todas as respostas para as incontáveis dúvidas que temos sobre como educar, amar e viver.


Ana Luiza

Ana Luiza Matos Lopes Sinieghi nasceu em Aracaju/SE. É missionária na Comunidade Canção Nova desde 2006. Cursou Pedagogia na Universidade Federal de Sergipe. Pós-Graduada em Gestão Democrática pela Universidade de Taubaté (UNITAU). Atua no Instituto Canção Nova como diretora.

Comentários O seu comentário será aprovado automaticamente, portanto evite nomes e testemunhos muito explícitos, pois o seu comentário pode ser visto por pessoas conhecidas.